SARAMPO, CAXUMBA, RUBÉOLA

 

O que é o Sarampo?

Sarampo é uma doença altamente contagiosa (muito fácil de passar de uma pessoa para outra) que causa febre alta, tosse e manchas pelo corpo todo. As vezes as crianças com sarampo apresentam complicação como infecção no ouvido, pneumonia e encefalite (infecção do sistema nervoso central) que pode levar á seqüelas graves e até  mesmo a morte.

 

Nos anos 60, antes da vacina de sarampo ser utilizada, aproximadamente 135 milhões de crianças contraíam a doença por ano em todo o mundo. Devido a isto, 7 a 8 milhões de crianças morriam por ano por complicações do sarampo.

 

Nos dias de hoje o sarampo ainda mata 1 milhão de crianças e 42 milhões de crianças ainda são infectadas por ano, no mundo. Sarampo é a doença que mais mata dentre aquelas que são facilmente previníveis através de vacinas.

 

O que é Caxumba?

Caxumba causa muita dor, aumento das glândulas salivares e em geral acompanhada de febre e dor de cabeça. Em alguns casos, a caxumba pode causar diminuição da audição e meningite. De fato, na ausência de imunização, caxumba é a causa mais comum de meningite viral. Mais de 19% dos casos de caxumba evoluem para meningite. Também existe um possível risco de causar danos á fertilidade do adolescente ou ao homem adulto que contrai caxumba e desenvolvem inflamação dos testículos, uma complicação conhecida como orquite.

Embora caxumba não tenha grande impacto sobre a saúde das crianças como o sarampo, é uma doença que causa desconforto e preocupação nas crianças e seus familiares.

 

O que é Rubéola?

Rubéola é uma doença, em geral, branda em crianças, mas que pode ser muito perigosa em mulheres grávidas. Se uma mulher contrair rubéola nas primeiras semanas de gravidez, ela pode apresentar abordo espontâneo ou o bebê pode nascer com sérios problemas, incluindo problemas no coração, cegueira, problemas de audição e dificuldade de aprendizado. Isto é chamado de síndrome da rubéola congênita (SRC).

Estes efeitos da rubéola foram primeiramente observados em 1940 por um médico australiano e depois estudado durante uma epidemia nos EUA, em 1960, onde milhares de ma~es e seus bebês foram afetados. Desde então a vacinação tem sido usada para diminuir estes riscos.

Na prática diária se vacinam todas as crianças de ambos os sexos. Se os meninos não foram vacinados, eles podem continuar transmitindo rubéola e podem levar a infecção em uma mulher grávida que não esteja protegida. 

 

Quando as crianças devem tomar a vacina para Sarampo, Caxumba e Rubéola?    

A primeira dose da vacina combinada para sarampo, caxumba e rubéola deve ser dada durante o segundo ano de vida, normalmente entre os 12 e 15 meses de idade. A data da segunda dose, de acordo com a recomendação da Sociedade Brasileira de Pediatria  é entre 4 e 10 anos de idade.

 

Esta vacina costuma causar alguma reação?

Esta vacina é muito eficaz e segura com baixa incidência de efeitos adversos.

 

O que fazer se a criança tiver alguma reação?

As reações típicas que podem ocorrer incluem febre baixa ou aparecimento de manchas que podem durar de 7 a 14 dias após a aplicação da vacina, diminuição do apetite e um mal estar geral por 2 a 3 dias. Aproximadamente 1 a cada 100 crianças desenvolve uma forma leve de caxumba com uma aumento das glândulas no rosto, pescoço e embaixo do queixo por volta de três semanas após a vacinação. Estes sintomas duram um dia ou dois e a criança não está infectada.

 

Se alguma febre ocorrer nos primeiros sete dias após a vacinação, ela foi provavelmente causada por alguma doença e não pela vacina. Se o seu filho desenvolver febre baixa, você deve seguir a recomendação do seu médico. Você deve conversar com o seu médico para saber o que fazer caso seu filho tenha alguma reação séria.

 

Posso vacinar meu filho se ele estiver doente na hora da aplicação?  

A vacina para sarampo, caxumba e rubéola deve esperar para ser dada se seu filho tiver febre acima de 38,5%, porém a vacinação não precisa ser atrasada caso a criança apresente uma febre baixa. Se você tiver alguma dúvida, fale com o seu médico.

 

Quais crianças não devem ser vacinadas e por que?

Crianças que tem alguma deficiência no seu sistema imunológico ou que apresentem alergia (que pode causar uma reação séria chamada anafilática) a algum componente da vacina não devem ser vacinados contra sarampo, caxumba e rubéola. Crianças que apresentem febre acima de 38,50C na hora da vacina, devem adiar a vacinação até que estejam recuperadas e crianças que tomaram outras vacinas devem esperar três semanas para tomar a tríplice viral.

 

Mulheres grávidas podem tomar a vacina para sarampo, caxumba e rubéola, e, além disso, as mulheres que pretendem engravidar devem espera(um mês após serem vacinadas.

 

 

Por que meu filho precisa de uma segunda vacina contra Sarampo, Caxumba e Rubéola? 

Fazendo duas doses da vacina ajudará as crianças que perderam a primeira dose, fazendo com que elas tomem pelo menos uma dose.

 

Segundo, embora muito eficiente, a primeira dose da vacina combinada para sarampo, caxumba e rubéola não leva a uma proteção efetiva em l00 % das crianças. Após dose única, aproximadamente 10% das crianças ainda estão sujeitas a infecção, isto porque nem todas as crianças respondem bem a primeira dose da vacina tríplice, fato que não costuma ocorrer com uma segunda dose.

 

Finalmente, após um período de alguns anos, algumas crianças perdem sua imunidade contra sarampo, caxumba e rubéola, tornando-se vulnerável a estas doenças. A segunda dose fortalece a imunidade e aumenta a proteção.

 

 

 

Home
Sindicato às Ordens
Histórico
Base Territorial
Diretoria
Convênios
Convenções Coletivas
Piso Varejista
Info O Comerciário
Galeria de Fotos
Mural
Dia do Comerciário
Feriados Nacionais
Ginásio Poliesportivo
Barraca de Praia
Salão de Beleza
Videoteca
Kit Bebê
Fale Conosco
Associe-se Já
Homologacões